sábado, 17 de fevereiro de 2018

Presidente da FEMURN fala sobre liberação da AFM e expectativas das finanças municipais em 2018

Em entrevistas concedidas nesta sexta-feira, 16, ao Bom Dia RN, da InterTV cabugi, e ao Jornal 96, da rádio 96 FM, o Presidente da FEMURN, Benes Leocádio, falou sobre a liberação do Auxílio Financeiro aos Municípios (AFM), prometido pelo Governo Federal às Prefeituras municipais desde o final de 2017, mas que deverá ser votado pelo Congresso Nacional nas próximas semanas. Benes classificou a chegada destes recursos como necessários para as gestões municipais: “A chegada de recursos para as prefeituras é urgente”, afirmou.
Para o Presidente da Federação, o ano de 2018 deverá ser, novamente, de dificuldades para as prefeituras municipais, com baixas expectativas de melhora na economia das cidades: “Infelizmente, ainda deveremos ter um ano de dificuldades. O Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte da maioria dos municípios, está estagnado, mas o custeio da máquina pública continua aumentando. É necessário uma reforma tributária, e/ou mudança no pacto federativo para que os municípios brasileiros não continuem pagando a conta de não poder atender melhor seus munícipes”, avaliou Benes.